• Alpgrem

Seu condomínio pode ser obrigado a realizar seleção de resíduos recicláveis.

A lei nº 12.528, de 02 de janeiro de 2007, obriga condomínios comerciais e residenciais com mais de 50 unidades, a acondicionar separadamente os resíduos recicláveis produzidos em suas dependências.

Reforma ABNT - Apartamento em Condomínio
Reciclagem

Reciclar o lixo em seu condomínio é um ato de cidadania e inteligência, mas você sabia que isso é, em alguns casos, obrigatório? A lei nº 12.528, de 02 de janeiro de 2007, obriga condomínios comerciais e residenciais com mais de 50 unidades, a acondicionar separadamente os resíduos recicláveis produzidos em suas dependências. Muitos condomínios podem realizar algum tipo de coleta seletiva, e ainda assim estar fora das normas.


Separar o lixo pode ser mais complexo do que parece, o condomínio deve fornecer certa infraestrutura, afim de facilitar a separação diária por partes dos condôminos e funcionários. Latões de lixo coloridos e carrinhos coletores com rodinhas, são apenas alguns do item necessários, para uma coleta fácil e rápida. O condomínio deve disponibilizar uma área exclusiva para a separação do lixo, com um acesso fácil entre essa área e a rua, no local designado para o depósito dos resíduos, além de treinamento para os seus funcionários.


O recomendado é que a administração faça contato com o serviço de coleta de lixo reciclável, e que algum funcionário do condomínio seja responsável pela identificação correta e a retirada separada e destes materiais, para sua coleta na rua.


Além dos benefícios óbvios ao meio ambiente, seu condomínio pode apoiar cooperativas de coleta de material reciclável. Outro benefício que não podemos esquecer, é a conscientização ambiental que o condomínio difunde, para os seus moradores mirins. A criançada é geralmente a primeira a se envolver e auxiliar na separação do material reciclável.


O lixo reciclável deverá estar limpo, seco e devidamente acondicionado em sacos de lixo, separados por material, e separado também do lixo orgânico. Seguem os principais exemplos de materiais que podem ser reciclados: garrafas, copos plásticos, embalagens pet (refrigerantes, vinagre, óleo…), sacos/sacolas, tampas, frascos de produtos, caneta (sem a tinta), canos e tubos de PVC, embalagens de produto de limpeza, embalagens tipo Tupperware, brinquedos de plástico, baldes, entre outros.


Reciclar o lixo faz bem para o condomínio e para cidade onde vivemos. Se todos nós fizermos a nossa parte, deixaremos um mundo melhor para nossos filhos e netos. A reciclagem começa dentro de casa, e nosso condomínio é parte dela!


#condomínio

#administração

#reciclagem #síndico

22 visualizações0 comentário